O Serviço Social é política pública, e o Assistente Social seu efetivador!

É uma profissão de caráter sócio-político, crítico e interventivo, que se utiliza de instrumental científico multidisciplinar das Ciências Humanas e Sociais para análise e intervenção nas diversas refrações da “questão social”, isto é, no conjunto de desigualdades que se originam do antagonismo entre a socialização da produção e a apropriação privada dos frutos do trabalho .Inserido nas mais diversas áreas (saúde, habitação, lazer, assistência, justiça, previdência, educação, etc) com papel de planejar, gerenciar, administrar, executar e assessorar políticas, programas e serviços sociais.



O Assistente Social efetiva sua intervenção nas relações entre os homens no cotidiano da vida social, por meio de uma ação global de cunho sócio-educativo ou socializadora e de prestação de serviços.Está capacitado, sob o ponto de vista teórico, político e técnico, a investigar, formular, gerir, executar, avaliar, e monitorar políticas sociais, programas e projetos nas áreas de saúde, educação, assistência e previdência social, empresas, habitação, etc. Realiza consultorias, assessorias, capacitação, treinamento e gerenciamento de recursos; favorece o acesso da população usuária aos direitos sociais; e trabalha em instituições públicas, privadas, em organizações não governamentais e junto aos movimentos populares.



sexta-feira, 5 de junho de 2009

Só pensando!!!

Fiquei um tempão pensando no que eu poderia postar aqui sem parecer uma perfeita idiota (desculpem-me pelo palavriado). Então, dia desses estava vendo uma entrevista de um deputado envolvido em mais um escândalo daqueles que a gente já conhece.
Ai vocês pensam, mas o que isso tem a ver com Serviço Social??? Depende do seu ponto de vista!
Se você acha que política não faz parte do "social" então, realmente, não tem nada a ver mesmo. Agora se você pensa como eu então continue lendo o post.
Em uma de suas declarações, o deputado disse que seus gastos incluíam a família, porque ele morava em Brasilia e a famiília no nordeste (entenda por família esposa e filhos).
Então vou responder ao Sr. Gastão:
a família muda pra Brasília, mesmo porque eles tem ajuda de custo e apartamentos que o povo paga, que são suficientes.
uma solução palpável que fica por conta dos eleitores, VAMOS VOTAR NOS SOLTEIROS!
uma última solução mais radical, mas mais justa, vamos sustentar todo mundo que vive longe da família para facilitar a visita, e isso passa desde o universitário que mora longe dos pais, vai até os caminhoneiros que tem que viajar para manter a família, e os presos que tem indutos nas datas especiais.
Agora Sr. Gastão, faça-me o favor, porque você foi eleito para representar a parte mais necessitada do nosso país e, ao invés disso, está gastando nosso dinheiro com sua famíliia e de forma inexplicável.

PS: nada contra a classe política do nosso país, porque eu realmente acredito que existam bons políticos, raros como algumas doenças desconhecidas, mas existem!!!!!!!!!!!!

Bju

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Este espaço é democrático - FAÇA SEU COMENTÁRIO "